INTERNACIONALIZAÇÃO DAS PME

 

Este apoio visa promover o aumento da competitividade das empresas por via da internacionalização e da inovação, alavancando o seu potencial exportador.

São suscetíveis de apoio os projetos com investimentos que reforcem a capacitação empresarial das PME para a internacionalização, com vista a promover o aumento das exportações através do desenvolvimento e aplicação de novos modelos empresariais e de processos para a internacionalização, assente em estratégias sólidas e integradas de e-commerce e de transformação digital.

O presente concurso visa três prioridades objetivas de política pública:

- Prioridade conferida ao E-Commerce e Transformação Digital (para empresas que operem exclusivamente através de canais digitais)

- Prioridade conferida ao desafio do Brexit: Diversificação de Mercados (para empresas que pretendam diversificar mercados ou reposicionar-se no Reino Unido)

- Prioridade Acelerador de Exportações (para empresas que visem o reforço da internacionalização)

 

Tipo de Projetos

São apoiados projetos individuais de internacionalização de PME que visem os seguintes domínios:

Prioridades

Domínios

E-Commerce e Transformação Digital

a) A presença na web, através da economia digital;

b) O desenvolvimento e promoção internacional de marcas;

c) O marketing internacional;

d) A introdução de novos métodos de organização; nas práticas comerciais ou nas relações externas.

Brexit: Diversificação de Mercados

 e

 Acelerador de Exportações

a) O conhecimento de mercados externos;

b) A presença na web, através da economia digital;

c) O desenvolvimento e promoção internacional de marcas;

d) A prospeção e presença em mercados internacionais;

e) O marketing internacional;

f) A introdução de novo método de organização nas práticas comerciais ou nas relações externas;

g) As certificações específicas para os mercados externos.

 

Beneficiários

Empresas PME de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica.

 

Despesas Elegíveis

Dependendo do enquadramento do projeto, poderão ser elegíveis os investimentos em:

- Marketing Digital:

.Desenho e implementação de estratégias aplicadas a canais digitais para gestão de mercados, canais, produtos ou segmentos de cliente;

.User-Centered Design (UX);

.Desenho, implementação, otimização de plataformas de Web Content Management (WCM), Campaign Management, Customer Relationship Management e E-Commerce;

.Criação de lojas próprias online, inscrição e otimização da presença em marketplaces eletrónicos, aplicações IOS e Android;;

.Search Engine Optimization (SEO) e Search Engine Advertising (SEA);

.Social Media Marketing;

.Content Marketing;

.Display Advertising;

.Mobile Marketing;

.Web Analytics.

- Criação e registo de imagem, marcas ou coleções;

- Equipamento informático, na medida em que for utilizado no projeto;

- Software relacionado com o desenvolvimento do projeto;

- Material promocional - catálogos físicos/digitais, filmes e publicidade em órgãos de informação;

- Estudos de mercado, aquisição de informação e consultoria específica prestados por consultores externos;

- Campanhas de marketing nos mercados externos, incluindo a contratação de serviços nas áreas de mailing e telemarketing, publicidade, meios de comunicação especializados, assessoria de imprensa, relações públicas, hospedeiras, assistência técnica à preparação de eventos, tradutores e consultores;

- Implementação de sistemas de certificação específicos para os mercados externos;

- Custo com a contratação de, no máximo, dois quadros técnicos superiores;

- Deslocações e estadia, tendo em vista ações de prospeção de mercado, realização de eventos como feiras, certames e showrooms, missões empresariais ou missões inversas (a vinda de potenciais clientes a Portugal) e opinion makers;

- Custos com o aluguer de espaços, construção do stand, equipamentos, decoração, água, eletricidade, comunicações, inserções em catálogo de feira, transporte e manuseamento de mostruários, de materiais para suportes promocionais, tendo em vista a realização de feiras, certames e showrooms;

- Melhoria da organização da empresa, nomeadamente através da implementação de novos métodos organizacionais;

- Estudos, como auditorias, diagnósticos, planos de marketing, de negócios e estratégicos, estudos económicos e financeiros.

 

Taxas de Financiamento

É concedido incentivo a uma taxa de 45% do total de despesas elegíveis (exceto no caso de Lisboa, cuja taxa é de 40%).

 

Forma e Níveis de Apoio

Incentivo não reembolsável.

 




ELABORAMOS A SUA CANDIDATURA

Escolha a sua rea de interesse